Congresso Nacional vota 38 vetos presidenciais e limpa a pauta.

Sessão para análise dos vetos presidenciais 
durou mais de seis horas.

Em clima de embate entre a base governista e a oposição o Congresso Nacional concluiu, nesta quarta-feira (25-11-14), a análise de 38 vetos da Presidente Dilma Rousseff a projetos de lei, após mais de seis horas de discussão e votação. Entre os vetos analisados (veja a pautacompleta), um dos mais polêmicos é o que rejeitou integralmente as novas regras para a criação de municípios (PLS 104/2014 – Complementar). Originado no Senado e aprovado definitivamente em agosto, o projeto foi uma segunda tentativa de regular a matéria, após uma proposta anterior também ser vetada pela Presidência da República. Mais uma vez, vários parlamentares pediram a derrubada do veto. Deputados e senadores decidiram também sobre o veto total que sofreu o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 78/2014, que alterava a Lei 12.030/2009 para incluir os papiloscopistas entre os peritos oficiais.

Superávit:

O anúncio do presidente do Congresso, Renan Calheiros, de que a votação seria feita por cédulas, nas quais cada parlamentar assinala seu voto a favor ou contra o veto, foi criticada pela oposição que exigiu a votação nominal de cada um dos vetos. Todos os vetos precisavam ser votados para limpar a pauta antes do PLN 36/2014, que trata da mudança no cálculo da meta fiscal. O projeto permite ao Executivo abater da poupança fiscal todos os gastos realizados com o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e as desonerações de tributos concedidas ao longo do ano.

Renan Calheiros disse que com a liberação da pauta do Congresso, a votação do projeto e outras propostas de crédito orçamentário ficarão para esta quarta (26). - Nós marcamos uma sessão para amanhã, ao meio-dia, para continuar a apreciação das matérias que estão tramitando no Congresso Nacional, principalmente as orçamentárias que têm prazo até 20 de dezembro - informou.

Debate:

A proposta de alteração da meta do superávit foi classificada como "lei de anistia" e "crime de responsabilidade fiscal" por parlamentares da oposição que acusam o governo de fazer uma manobra para agilizar a votação dos vetos. Durante a discussão, os senadores Aécio Neves (PSDB- MG), Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) e José Agripino (DEM-RN) e os deputados Mendonça Filho (DEM-PE) e Antonio Imbassahy (PSDB-BA) manifestaram a intenção das lideranças em obstruir a votação. Os tucanos também prometeram levar o caso à Justiça.

– É um projeto que a presidente está enfiando goela abaixo dos parlamentares para se eximir de cumprir a meta de 2014, para que o Congresso lhe dê um aval antecipado para o descumprimento da Lei – disse Aloysio Nunes. A senadora petista Gleisi Hoffmann (PR) destacou que se trata de um embate político, não técnico. Ela defendeu a votação das matérias pendentes e afirmou que o regimento foi cumprido. Para o líder do governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB-AM), foi expresso à vontade da maioria no Congresso e também respeitado o direito da minoria. – Esta é a 11º sessão convocada para debater e tentar votar esses vetos e agora é que eles vêm questionar o processo de votação?  Durante toda a sessão as questões de ordem foram apresentadas e respondidas, e aquelas que porventura o autor não aquiesceu com a decisão da Mesa ele tem todo o direito de recorrer – argumentou.

Votação:

Às 21h25min foi concluída a votação dos vetos presidenciais com o mínimo necessário de 41 votos dos senadores e 257 votos dos deputados. As urnas com as cédulas foram lacradas e encaminhadas para apuração pela Secretaria Especial de Informática do Senado Federal (Prodasen). Um grupo de parlamentares foi indicado para compor a comissão que vai acompanhar a contagem e verificação dos votos. A apuração deve terminar na madrugada desta quarta-feira (26) e será divulgada no início da manhã. Com informações da Agência Senado.

Atleta jequieense é campeã Sul-americana de Judô em Lima/Peru.

Gabrielle Santos sendo premiada.

A atleta que reside em Jequié/Bahia/Brasil, Gabrielle Santos do Judô Lucas Santos, conquistou a medalha de Ouro no Campeonato Sul-Americano de Judô em Lima/Peru.

O evento foi realizado dia 22 de Novembro de 2014. A atleta Gabrielle foi vice-campeã Brasileira no estado de Macapá/AP no mês de agosto, onde garantiu a classificação para o Sul-Americano. A mesma para ter participado da competição contou com o apoio do Jambo Supermercados, Secretaria Municipal de Esporte e Lazer de Jequié, Mistura Deposito de Bebidas LTDA e Federação Baiana de Judô. O Técnico da competidora é o Professor Lucas Santos.

Muitos devem está se perguntando: “por que o Blog Taboquinhas Informa postou sobre a jequieense”? Aí lhes respondemos: “a campeã é filha de uma Taboquinhense, que se chama Gel Luz, e atualmente mora em Jequié, Gel é filha de Seu Salomão, que mora na Rua Padre Edgar, em Taboquinhas”.

Gabrielle Santos competindo.
Gabrielle Santos comemorando.
Equipe Brasileira de Judô.

Taboquinhas receberá Santuário de Bom Jesus da Lapa.


Atenção Comunidade Católica e Romeiros! Taboquinhas receberá Santuário de Bom Jesus da Lapa. Com o Tema “Desperta Itacaré Bom Jesus está chegando” o município receberá nos próximos dias 05, 06 e 07 o Santuário de Bom Jesus da Lapa.

A chegada da imagem está prevista para o dia 05 às 18h00min, na Vila Rosa (proprietário Alan), seguindo em procissão para a Igreja de Bom Jesus, onde ficará exposta para visitação pública. Dia 06, será realizada uma Missa festiva ainda em Taboquinhas, às 08h00min, seguida de romaria a Itacaré.

No dia 07, às 06h00min: Missa Solene, presidida pelo missionário redentorista, Pe. Vilmar da Lapa e padres convidados na Matriz de São Miguel Arcanjo. 12h00min retorno e concentração no Campo da Passagem com acompanhamento do Trio Elétrico. Às 12h00min intervalo para almoço e às 14h00min testemunhos dos fies. Ás 16h00min, missa campal. O encerramento acontecerá às 17h00min, com comunicações, agradecimento, hino do Bom Jesus e despedida dos romeiros com a Filarmônica de Itacaré.